GP1

Teresina - Piauí

Luciano Nunes diz que chapa da oposição ainda não está definida

"Não existe ainda uma chapa formada, não existe ainda um desenho”, explicou o ex-deputado estadual.

O presidente do Diretório do PSDB no Piauí, ex-deputado Luciano Nunes, afirmou ao GP1 que o Progressistas é um aliado natural da sigla tucana para as eleições de 2022. Apesar de admitir este alinhamento, Nunes advertiu que ainda é prematuro falar em acordos firmados, haja vista que existe uma indefinição quanto às regras eleitorais que serão aplicadas no ano que vem e que poderão mudar os rumos dos entendimentos observados neste momento.

A priori, a ideia é que o senador e presidente nacional do PP, Ciro Nogueira, seja o candidato a governador do Piauí em uma dobradinha com o ex-prefeito de Teresina Sílvio Mendes (PSDB) na vaga de vice. Contudo, Luciano assegurou que a chapa majoritária de oposição que será apresentada aos eleitores ainda não foi montada.

Foto: Lucas Dias/GP1Luciano Nunes
Luciano Nunes

“Progressistas é aliado natural do PSDB. É o maior partido de oposição no Estado. Estamos construindo essa aliança para apresentar uma alternativa ao povo do Piauí no próximo ano. É cedo para dizer que algo está fechado. Não existe ainda uma chapa formada, não existe ainda um desenho”, explicou Nunes nessa sexta-feira (16).

“Nós estamos, justamente, construindo esse desenho e o mais importante é colocar uma proposta e um projeto de desenvolvimento para o Piauí. A partir daí, os nomes e as posições vão surgindo, normalmente”, afirmou o ex-deputado.

Cabeça de chapa

Sobre a possibilidade de ser dada ao PSDB o direito de ocupar a cabeça de chapa e indicar um nome – provavelmente o de Sílvio Mendes – para o Palácio de Karnak, Luciano Nunes foi prudente.

“É o desejo de qualquer partido ser a cabeça de chapa, mas isso não depende só da vontade do PSDB ou do Progressistas. Uma candidatura majoritária é fruto de uma convergência. É preciso ter uma disposição do candidato, ter o consenso dentro do seu partido, ter o consenso entre os partidos aliados. Tudo isso é uma construção”, lembrou o tucano.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.