GP1

Teresina - Piauí

Advogado Jefferson Moura é indiciado por estupro contra diarista

Além disso, o advogado é alvo de investigação em razão de quatro denúncias por importunação sexual.

A Delegacia de Proteção à Mulher indiciou o advogado Jefferson Moura Costa pelo crime de estupro contra uma diarista, e abriu inquérito para investigar mais quatro denúncias contra ele, de importunação sexual. Ele foi preso em flagrante no último dia 15 de julho, acusado de ter estuprado a mulher que limpava seu apartamento, na zona leste de Teresina.

Em entrevista ao GP1 neste sábado (24), a delegada Vilma Alves, titular da delegacia, explicou que depois da prisão do advogado mais quatro mulheres procuraram a polícia para denunciá-lo por importunação sexual.

Foto: Reprodução/FacebookAdvogado Jefferson Moura Costa
Advogado Jefferson Moura Costa

“Ele foi indiciado por estupro, foi preso em flagrante delito, estupro é crime hediondo, não tem direito à fiança. Os outros crimes nós estamos apurando, acusações de importunação sexual”, informou a delegada.

“Ele é nocivo para a sociedade”

A delegada Vilma Alves externou mais uma vez a necessidade da manutenção da prisão do acusado, que segundo ela, é “nocivo para a sociedade”. Jefferson Moura está preso na Penitenciária Irmão Guido.

Foto: Alef Leão/GP1Delegada Vilma Alves
Delegada Vilma Alves

“A indignação não é mais nem só no Piauí, ganhou repercussão nacional. Sempre acreditei na justiça do nosso estado e espero que continue mantida a prisão dele, porque ele é nocivo para a sociedade, a ficha pregressa dele é notória”, frisou.

Entenda o caso

O advogado foi preso em flagrante acusado de estuprar uma mulher que fazia uma faxina em seu apartamento, na zona leste de Teresina. Jefferson Moura foi conduzido por uma equipe da Polícia Militar à Central de Flagrantes, e a vítima fez o exame de corpo de delito, onde foi constatada a conjunção carnal. Assim, o acusado, que aguardava o resultado do laudo na Central de Flagrantes, foi preso por volta de 1h da madrugada do dia 15.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.