GP1

Teresina - Piauí

Aníbal comenta sobre retrospecto do Flu-PI após o título do Sub-17

Após ter batido na trave em 2021, o clube foi campeão do Piauiense-Sub 17 após vencer por 4 a 1 o Altos.

Nesta última quarta (18), ocorreu a final do Campeonato Piauiense Sub-17 com o Fluminense-PI levando o troféu para casa após vencer por 4 a 1 do Altos, no Lindolfo Monteiro. Aníbal Lemos, técnico do Vaqueirinho, comentou sobre o retrospecto e a organização da equipe, após o bom resultado.

Aníbal também comentou que vai permanecer na equipe, já que após ser campeão do Piauiense Sub-17, o Fluminense-PI garantiu uma vaga na Copa do Brasil da categoria. O treinador tem muita experiência, pois além de ser um bom atleta no passado, também comandou 9 equipes profissionais no Piauí.

“Acreditaram em mim, mesmo sendo o treinador do profissional. Dirigi o Flamengo-PI ano passado, onde chegamos em quarto lugar no Piauiense, portanto, fizemos uma boa campanha", disse Aníbal.

Aníbal relatou que está feliz em contribuir com o crescimento do Vaqueirinho e não pensou duas vezes para aceitar o convite, já que além da conquista, o clube também vem se solidificando no cenário regional, tanto na base quanto no profissional. "Não me constrangeu em nenhum momento trabalhar na base do Flu-PI, pois já trabalhei ano passado no sub-15 como auxiliar técnico, onde fui campeão”, comentou o treinador.

Foto: Marcelo Cardoso/GP1Fluminense campeão do sub-17
Fluminense campeão do sub-17

“A gente sabe do nível de organização que é hoje o Fluminense-PI, então precisamos mostrar resultados consistentes dentro de campo, para assim o projeto se fortalecer cada dia mais, e participar de mais competições nacionais. Hoje foi um dia importante para o clube, pois acho que a 2 ou 3 anos, a gente não ganhava essa competição. Essa conquista nos deu condição de representar o estado na Copa do Brasil em 2023. Então já vamos iniciar os trabalhos para ir bem”, disse o técnico.

Por já ter uma boa experiência no futebol, o treinador acredita que atualmente o Vaqueirinho apresenta a melhor estrutura do Piauí, e não desmerece nenhuma equipe, pois entende que cada uma tem sua organização. E com toda essa estrutura, ele acredita que o clube tem que mostrar resultado dentro de campo.

“Conheço profundamente as equipes que já passei, e no Flu-PI eu vejo uma organização superior a todas que eu passei, que eu trabalhei. Não desmerecendo nenhuma, cada uma tem sua organização. E a gente tenta compensar toda estrutura dentro de campo, e conseguimos vencer. Não que tenha que ser campeão de todas competições e categorias, mas precisa fortalecer o seu projeto. Mais do que ser um técnico, eu procuro ser um educador. Então, eu levo para todos os times para qual estou trabalhando, seja profissional ou base, um pouco dessa minha formação, como catedrático. Sendo professor, sempre que é possível, além de treinador", relatou Aníbal.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.