GP1

Teresina - Piauí

Vereador Antônio José Lira chama suplente Alysson Pêgo de "canalha"

A assessoria do suplente de vereador reforçou que as respostas ao vereador serão dadas na Justiça.

O vereador Antônio José Lira comentou, nesta quinta-feira (19), sobre as duas ações ajuizadas contra ele pelo suplente de vereador Alysson Pêgo, que já tinha entrado na Justiça Eleitoral pedindo o seu afastamento do cargo por infidelidade partidária.

Ao GP1, o parlamentar afirmou que Alysson quer tomar o lugar dele, mas que ele não vai conseguir. “Teresina não conhecia ele, mas agora vai conhecê-lo. Ele sabe muito bem que a chance dele assumir no meu lugar é zero. Na verdade, é uma perseguição a minha pessoa vindo dos patrões dele, canalhas iguais a ele ou pior”, afirmou.

Foto: Lucas Dias/GP1Antônio José Lira
Antônio José Lira

“Vindo dele não é novidade esse papel que ele presta contra um vereador que só está exercendo o seu mandato e muito bem exercido. Ele não tem nada a perder. É envolvido com a maior operação da Polícia Federal, sócio de uma empresa onde saquearam os cofres públicos, lavando dinheiro numa fazenda conhecida como ‘O rei do gado’”, acusou Antônio José Lira.

Ainda de acordo com Antônio José Lira, Pêgo procurou um vereador para dizer que queria cargos em troca de não entrar na Justiça. “Ele mandou um vereador de Teresina me procurar querendo cargos para que não entrasse na Justiça. Eu neguei prontamente. Vou continuar o meu mandato, fiscalizando e fazendo uma Teresina melhor”, declarou.

Outro lado

Foto: Reprodução/FacebookAlysson Pêgo
Alysson Pêgo

A assessoria de Pêgo reforçou que as respostas ao vereador serão dadas na Justiça, que para cada calúnia haverá um processo novo, além de enviar certidões que mostram que Alysson não responde a nenhum processo.

Certidão negativa na Justiça Estadual

Certidão negativa segunda instância na Justiça Estadual

Certidão de Antecedentes Criminais na PF

Certidão negativa de processo cível na Justiça Federal

Certidão negativa de processo criminal na Justiça Federal

Certidão negativa na CGU

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.