Fechar
GP1

Teresina - Piauí

Índio apresenta piora e médicos adiam colocada de sonda

De acordo com a cunhada do jogador, Ana Cristina, a piora foi causada por uma bactéria no pulmão.

Após sofrer um acidente de trânsito e ficar tetraplégico, o ex-zagueiro do River, Índio, apresentou uma piora relacionada a seu estado de saúde devido a uma infecção bacteriana, o que adiou a colocação de uma sonda para alimentação pelos médicos. A informação foi confirmada pelo GP1 Esporte na manhã desta terça-feira (11), pela cunhada do jogador, Ana Cristina. O jogador de 39 anos continua internado na UTI do Hospital Universitário (HU) desde o dia 06 de março.

Segundo informações concedidas pela cunhada de Índio, o estado do jogador piorou por conta de uma bactéria que gerou uma infecção no pulmão, resultando no aparecimento de febre. Ainda de acordo com Ana Cristina, a bactéria teria sido proveniente da ventilação mecânica que Índio está usando.

Foto: Lucas Dias/GP1Índio tira a bola
Índio tira a bola

Além da infecção, a cunhada de Índio também relatou que o atleta voltou a ter problemas com a pressão, que antes se encontrava estável, mas nos últimos dias acabou sofrendo com a hipotensão e voltou a tomar remédios.


“O Israel passou por uma piora, está com outra bactéria no pulmão e está com febre há três dias. De acordo com o médico a bactéria foi por causa da ventilação que ele ainda está usando. Ele também voltou a tomar os remédios para a pressão, porque voltou a abaixar de novo”, contou Ana Cristina.

Índio precisava passar por uma Gastrostomia Endoscópica Percutânea, para colocar uma sonda flexível para a sua alimentação, mas não pode realiza-la por conta da piora causada pela bactéria. Fora isso, ex-riverino continua realizando hemodiálise, pois os rins do jogador seguem não funcionado. A família chegou a cogitar um transplante, mas não séria possível no estado atual.

"Ele continua fazendo a hemodiálise, porque os rins não estão funcionando. A gente até chegou a cogitar um transplante, mas o médico disse que nesse estado que ele está não é possível fazer", afirmou Ana Cristina.

Entenda o caso

Israel da Silva Alves, mais conhecido como Índio, sofreu um acidente de trânsito no dia cinco de março, quando o motorista de um carro colidiu com a moto de Índio e não prestou socorro, de acordo com a família do atleta. Segundo a esposa dele, Ivaneide Santos, o jogador teria sofrido lesões na cabeça e na coluna.

Atualmente, Índio não tem contrato firmado com nenhuma equipe. Sua última atuação foi no Campeonato Piauiense Série B de 2022, onde defendeu o Tiradentes-PI. O zagueiro também fez parte do elenco do River, quando foi vice-campeão da Série D em 2015. No futebol estadual, Índio também atuou em clubes como o Flamengo-PI, 4 de Julho, Fluminense-PI e Piauí.

Família pede ajuda

Por conta do atual estado do atleta, Índio vai precisar de maiores cuidados. Porém, a casa em que Ivaneide e seu marido moram não está em condições adequadas para receber o jogador. Além disso, os gastos com transporte e cuidados com os filhos, que estão gripados, deixam a situação financeira apertada. Por isto a família faz campanhas para arrecadar doações através do pix: 041.466.273.38.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2024 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.