GP1

Coronavírus no Piauí

Wellington responde a Valdeci Cavalcante: "fora da lei será combatido na forma da lei"

A Federação do Comércio do Estado do Piauí decidiu que vai retomar algumas atividades econômicas, consideradas não essenciais, mesmo com o decreto que impõe o isolamento social por conta da c

Em entrevista concedida ao GP1, na manhã desta quarta-feira (27), o governador Wellington Dias (PT-PI), se pronunciou sobre a decisão da Federação do Comércio do Estado do Piauí (Fecomércio), através de seu presidente Valdeci Cavalcante, de retomar algumas atividades econômicas, consideradas não essenciais, mesmo com o decreto em vigor que impõe o isolamento social como forma de conter a disseminação do novo coronavírus (Covid-19).

Wellington advertiu que toda e qualquer decisão que for tomada em desobediência à lei será combatida legalmente. Ele informou ainda que tem dialogado com o setor e que o acerto é para apresentação de um protocolo com sugestões para retomada das atividades econômicas.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Governador Wellington Dias  Governador Wellington Dias

“O setor do comércio que tem dialogado com o Estado, disse que vai apresentar proposta de protocolo e receberemos de bom grado. Fora da lei será combatido na forma da Lei”, avisou o governador.

Entenda o caso

O presidente do Fecomércio, o advogado Valdeci Cavalcante, em entrevista ao GP1 na tarde dessa terça-feira (26), disse que iria retomar imediatamente as obras de construção civil do Sesc/Senac e que lojas dos bairros de Teresina vão reabrir nos próximos dias, mesmo vigorando os decretos de isolamento social por conta da pandemia de coronavírus (covid-19).

O advogado ressaltou que esse é um ato desesperado dos setores, que lutam para sobreviver em meio à crise econômica. A decisão foi tomada em reunião com diversos setores empresariais, realizada no auditório da Fecomércio na manhã de ontem.

“Alguns [setores] decidiram pela abertura, alguns vão abrir, por exemplo, o Sesc e Senac têm cerca de oito obras paradas no Piauí e nós vamos retomar todas, já mandei retomar e já estamos nos preparativos, porque a Construção Civil tem um decreto federal que se sobrepõe ao decreto estadual e municipal, o presidente Bolsonaro, com base legal editou o decreto, dizendo que Construção Civil é atividade essencial”, declarou Valdeci.

Os proprietários de lojas nos bairros de Teresina também vão reabrir, segundo o vice-presidente da Confederação Nacional do Comércio (CNC).

“Muitos pequenos, nos bairros [vão reabrir], porque no Centro ninguém está indo, então abrir lá pra quê? Nos bairros as pessoas decidiram que vão retomar suas atividades corajosamente”, colocou Valdeci.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Covid-19: governador Wellington Dias admite prorrogar quarentena

Covid-19: empresários decidem reabrir comércio e retomar obras no Piauí

Empresários realizam ato pedindo reabertura do comércio em Teresina

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.