GP1

Coronavírus no Piauí

Wellington Dias apresenta regras para retomar três atividades econômicas

O governador assinou um novo decreto prorrogando o isolamento social até o próximo dia 22 de junho.

Lucas Dias/GP1 Coletiva realizada na manhã desta segunda-feira no Palácio de Karnak Coletiva realizada na manhã desta segunda-feira no Palácio de Karnak
Lucas Dias/GP1 Governador Wellington Dias realiza assinatura do Programa PRO Piauí Governador Wellington Dias realiza assinatura do Programa PRO Piauí
Lucas Dias/GP1 Governador Wellington Dias Governador Wellington Dias
Lucas Dias/GP1 Solenidade ocorrida com a presença de Wellington, Osmar Júnior e representantes do Governo Solenidade ocorrida com a presença de Wellington, Osmar Júnior e representantes do Governo
Lucas Dias/GP1 Wellington Dias conversa com jornalistas em coletiva no Karnak Wellington Dias conversa com jornalistas em coletiva no Karnak
Lucas Dias/GP1 Wellington Dias fala durante coletiva no Palácio de Karnak Wellington Dias fala durante coletiva no Palácio de Karnak
Lucas Dias/GP1 Florentino Neto realiza assinatura do Programa PRO Piauí Florentino Neto realiza assinatura do Programa PRO Piauí
Lucas Dias/GP1 Osmar Júnior realiza assinatura do Programa PRO Piauí Osmar Júnior realiza assinatura do Programa PRO Piauí
Lucas Dias/GP1 Osmar Juúnior Osmar Juúnior
Lucas Dias/GP1 Florentino Neto Florentino Neto
Lucas Dias/GP1 Governador Wellington Dias Durante coletiva Governador Wellington Dias Durante coletiva
Coletiva realizada na manhã desta segunda-feira no Palácio de Karnak
Governador Wellington Dias realiza assinatura do Programa PRO Piauí
Governador Wellington Dias
Solenidade ocorrida com a presença de Wellington, Osmar Júnior e representantes do Governo
Wellington Dias conversa com jornalistas em coletiva no Karnak
Wellington Dias fala durante coletiva no Palácio de Karnak
Florentino Neto realiza assinatura do Programa PRO Piauí
Osmar Júnior realiza assinatura do Programa PRO Piauí
Osmar Juúnior
Florentino Neto
Governador Wellington Dias Durante coletiva

Na manhã desta segunda-feira (8) o governador Wellington Dias (PT) apresentou o protocolo para reabertura gradual de três atividades econômicas no estado diante da pandemia do novo coronavírus (covid-19). Em coletiva de imprensa no Salão Branco do Palácio de Karnak, o gestor disse que vai endurecer a fiscalização para a retomada. Ele ainda assinou um novo decreto prorrogando o isolamento social até o próximo dia 22 de junho.

Serão reabertas, atividades da construção civil, serviços de saúde e concessionárias de veículos automotores. Wellington destacou que esta ainda é uma “fase muito cuidadosa, de muita responsabilidade” e afirmou que o novo decreto continua sendo baseado em orientações da ciência.

Conforme o governador, a decisão de criação do Pacto de Retomada Organizada (PRO -Piauí) foi tomada após diversas reuniões com membros do Ministério Público Estadual, Ministério Público Federal, Ministério Público do Trabalho, Associação Piauiense dos Municípios (APPM), prefeito de Teresina Firmino Filho (PSDB), médicos e representantes do setor econômico.

PRO Piauí

O governador explicou que de acordo com o pacto não existe data específica para o início do retorno, tendo em vista que as empresas precisarão atender às recomendações do protocolo, como higienização, exames e distribuição de equipamentos de proteção individual para os trabalhadores. As medidas tomadas agora, caso colaborem para o aumento desenfreado de casos, poderão ser mudadas.

“O Pró-Piauí vai trabalhar o protocolo dos três setores: da construção civil, da saúde e automotores. Eles vão abrir tudo hoje? Não. Eles aderem a um protocolo específico e a partir daí ele tem que tomar as medidas tem que fazer exames, fazer a higienização, tem todas as regras estabelecidas que precisam ser cumpridas antes e vamos avaliar semanalmente. Vamos estar examinando a ocupação de leitos e óbitos. Podemos tomar medidas e voltar para atrás”, destacou.

Endurecer fiscalização

Wellington disse ainda que a vigilância sanitária vai endurecer a fiscalização a fim de diminuir o risco de contaminação. “Vamos agir junto com o Ministério Público, com a Vigilância municipal, vamos intensificar fiscalização, pois caiu muito o isolamento social, fiquei muito preocupado, pois teve quedas, mas ainda temos chance de tomar medidas”, disse.

"Essa medida que estamos fazendo, é de forma organizada e vamos ter moral e força para quem está desobedecendo. Quem não está abrindo nesse primeiro momento vai ser aberto daqui a pouco, não posso dar uma data, mas estamos começando, não é só uma promessa, estamos começando", afirmou.

Responsabilidade individual e da empresa

De acordo com o governador, é necessário que tanto os empregados como os empregadores sejam responsáveis pelas medidas de cuidado e enfrentamento ao coronavírus. “Pelo PRO Piauí é estabelecida responsabilidade individual, desde a saída de casa, os cuidados que cada um deve ter para evitar transmissibilidade. Tem que ter medidas ao chegar no trabalho e a responsabilidade do empreendedor, porque ele é o responsável no cumprimento das normas e tem também dos clientes e fornecedores e tudo isso está estabelecido”, destacou.

45 mil trabalhadores

Wellington disse que cerca de 45 mil trabalhadores vão retomar as atividades, tendo em vista que os setores vão trabalhar com 50% da sua capacidade.

“Todos esses setores representam cerca de 80 mil pessoas, pois a construção civil precisa da metalúrgica, precisa da cerâmica, ou seja, somando todos os setores são cerca de 80 mil. Estamos autorizando começar com 50%, tirando as pequenas empresas que podem começar com todas, as outras vão com a metade. Calculamos que 45 mil vão começar em atividade”, declarou.

Aceitar protocolo

As empresas terão que responder a um questionário e aceitar o protocolo e conforme o número de funcionários serão dadas as orientações.

“Cada um dos empreendedores terá pela internet que responder um questionário e dizer sim ao protocolo. Com isso sabemos o endereço dele e quantos funcionários que ele tem. Se tem 20 funcionários, é um conjunto de regras. Se tem mais de 20, tem mais complexidade. Precisa ter por exemplo uma SIMPA. Porque se tiver uma infecção a partir deste empreendimento, vamos ter que fechar e isso já aconteceu”, disse.

“Nas áreas que são consideradas essenciais, já tivemos algumas que já foram fechadas. Por exemplo, a TV Clube chegou a fechar um determinado momento e isso acontecerá para qualquer um para a proteção. Estamos colocando a condição do exame clínico e vãos ajudar aos pequenos”, afirmou.

Protocolos gerais e específicos

O comitê está avaliando a criação de protocolo geral e específicos, como para igrejas católicas e evangélicas. “A partir de hoje estamos trabalhando para garantir os protocolos e desse comitê do Pacto PRO Piauí, do Pato pela Retomada Organizada do Piauí. O Comitê a partir de hoje está pronto para trabalhar outros protocolos, entre eles o da igreja. Estamos conversando com os evangélicos, os católicos, com todas as religiões. O objetivo é ter o protocolo geral e ter o protocolo específico”, disse.

“Como vamos colocar regramento para evitar transmissibilidade dentro do templo e da entrada. Sabemos o que deu certo e sabemos o que deu errado. Na parte das indústrias, já foram liberadas para a maioria dos municípios. Nosso decreto já trabalhava nessa perspectiva. Agora estamos trabalhando um protocolo específico para garantir um nível de segurança e quando for o momento certo, discutir sobre quando se deve dar o passo adequado”, declarou.

Vida continua sendo prioridade

“Não sou insensível ao fator econômico, ninguém toma uma decisão como eu tomei, com perversidade na economia. Do Brasil inteiro quem mais perdeu foi o Piauí, mas a vida continua sendo a prioridade”, disse.

Proteção individual

“Outra coisa, a máscara é a principal arma contra o coronavírus. Se eu não estou expelindo qualquer gotícula do nariz ou saliva, eu não estou transmitindo. O que eu quero dizer é que é sério o uso de máscara, não podemos relaxar o uso de máscara, assim como também não podemos relaxar ao lavar as mãos”, seguiu o governador.

Veja o Plano de Retomada Organizada abaixo ou clique aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Wellington diz que está em sintonia com Firmino para reabertura do comércio

Wellington Dias vai reabrir três setores econômicos na próxima semana

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.