GP1

Coronavírus no Piauí

Covid-19: Eduardo Pazuello anuncia entrega de 230 milhões de vacinas

De acordo com Dias, cerca de 100 milhões de doses foram confirmadas por Pazuello, para serem entregues até o mês de abril, priorizando a imunização dos grupos de risco.

O ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, anunciou nesta quarta-feira (17), em reunião virtual organizada pelo governador licenciado do Piauí, Wellington Dias (PT), que 230,7 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19 serão entregues a todos os estados até 31 de julho.

De acordo com um cronograma apresentado por Pazuello, o Ministério da Saúde leva em consideração a vacina Sputink V, no meio das mais de 200 milhões de doses prometidas durante a reunião com o Fórum Nacional de Governadores.

Foto: Divulgação/AscomWellington Dias
Wellington Dias

Além da vacina russa, o ministro confirmou ao coordenador da temática de vacinas, Wellington Dias, que a vacina indiana Covaxin também pode entrar no cartel de imunizantes a serem utilizados no plano de vacinação nacional. Ambas as vacinas ainda não foram aprovadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

De acordo com Dias, cerca de 100 milhões de doses foram confirmadas por Pazuello, para serem entregues até o mês de abril, priorizando a imunização dos grupos de risco. O restante, deve ser entregue até julho deste ano.

Segundo o Ministério da Saúde, em fevereiro irão ocorrer duas entregas de vacinas, sendo 2 milhões da acina Oxford/AstraZeneca, importadas da Índia e 9,3 milhões de doses da Sinovac/Butantan, produzidas no Brasil.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.