GP1

Eleições 2022

Membros do PL decidem deixar partido após reunião com Wellington Dias

Com isso, três partidos serão avaliados como possíveis abrigos aos líderes do PL: MDB, PSD e PSB.

O PL será esvaziado com a saída de todos os deputados e líderes do partido ligados ao governador Wellington Dias (PT-PI). A decisão ocorreu durante reunião dos ainda liberais com o chefe do Palácio de Karnak na noite desse sábado (08). Vão deixar o PL os deputados Fábio Xavier, Fábio Abreu, Coronel Carlos Augusto, Dr. Hélio, Marina Santos e o ex-deputado Mainha.

Com isso, três partidos serão avaliados como possíveis abrigos aos líderes do PL: MDB, PSD e PSB. A definição deverá ocorrer até o final de janeiro.

Foto: Marcelo Cardoso/GP1Wellington Dias
Decisão se deu após reunião com Wellington Dias

No caso do PSB, vai depender da possibilidade de federação. Em confirmando a junção com PT, PCdoB e PV, a sigla socialista deverá receber os membros liberais.

Apoio irrestrito

Ainda durante a reunião com o governador, foi reafirmado apoio total às candidaturas de Wellington Dias para o Senado Federal e do secretário da Fazenda Rafael Fonteles (PT), que concorrerá ao Governo do Piauí este ano.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.