Política

Fábio Novo vai assumir Secretaria da Cultura no mês de junho

Com a convocação de Novo, o governador dá solução ao impasse acerca do retorno da suplente de deputada estadual Belê Medeiros (PP) para a Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi).

Germana Chaves
Teresina
- atualizado

O deputado estadual Fábio Novo (PT) vai retornar a Secretaria da Cultura (Secult) em junho. O petista decidiu aceitar a missão após diálogo com o governador Wellington Dias (PT) ontem no Palácio de Karnak.

Com a convocação de Novo, o governador dá solução ao impasse acerca do retorno da suplente de deputada estadual Belê Medeiros (PP) para a Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi).

  • Foto: Helio Alef/GP1Fábio NovoFábio Novo

Ela precisou deixar o parlamento com o regresso do deputado Júlio Arcoverde (PP) para a Alepi.

Arcoverde passou algumas semanas no comando da Secretaria de Esportes e Lazer de Teresina (Semel) de onde foi exonerado na semana passada.

Críticas

Ao deixar a reunião com Wellington Dias ontem, Fábio Novo teceu duras críticas ao Progressistas e disse que estavam querendo usar seu mandato como moeda de troca e arrematou afirmando que ele não criou esse problema para o governador.

Em resposta, Arcoverde disse que não tinha motivos para conversar com Novo e criticou a postura do petista.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Júlio Arcoverde critica Fábio Novo e descarta conversa com petista

Fábio Novo diz que está sendo usado como moeda de troca pelo PP

Assis Carvalho diz que é contra a ida de Fábio Novo para Secult

Fábio Novo deve assumir a Secult para manter Belê na Assembleia