Eleições 2018

João Vicente contraria PTB e diz que não vai apoiar Wellington Dias

"Se o PTB tem um candidato e é protagonista do processo, eu fico no PTB. Se não é, me deixa livre para nos cargos majoritários, eu buscar outro caminho", declarou JVC.

BÁRBARA RODRIGUES
DE TERESINA
- atualizado

Nesta sexta-feira (6) o ex-senador João Vicente Claudino se filiou ao PTB. Em evento bastante prestigiado por diversas autoridades políticas, ele deixou bem claro seu posicionamento sobre as eleições deste ano. Contrariando o partido, JVC disse que seu nome está à disposição do PTB para ser pré-candidato ao governo, mas se o partido decidir continuar apoiando Wellington Dias, não haverá nenhum problema, só que ele então não disputará nenhum outro cargo nessa eleição e não apoiará à reeleição do governador.

Para não causar atritos no partido, ele explicou que não assumirá qualquer cargo de direção, ficando apenas como um filiado. “Eu quero deixar bem claro meu posicionamento nesse momento. Primeiro colocando meu nome à disposição do Piauí. Segundo, colocando meu nome à disposição do PTB, que tem dois caminhos e eu respeito muito os dois. Se o PTB é protagonista para pensar em um estado moderno, eficiente, melhor, transformador de vidas e construtor de destinos, o João Vicente está dentro. Se o PTB pegar carona em perspectivas nebulosas e obscuras o JVC está fora. O que eu posso fazer eu fiz. Eu coloquei meu nome à disposição do Piauí e do partido. Vamos ver o andar de tudo isso. Em relação à minha candidatura, vamos avaliar, de deixar meu nome à disposição, dentro de 60 dias para tomarmos uma avaliação”, declarou.

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1João Vicente discursando João Vicente discursando

Questionado se não apoiaria Wellington Dias, ele afirmou que sobre a chapa majoritária o seu posicionamento é livre, somente em relação à disputa proporcional que irá se envolver, apoiando os deputados do partido. “Eu coloquei bem claro meu posicionamento, se o PTB tem um candidato e é protagonista do processo, eu fico com o PTB. Se não é, me deixa livre para nos cargos majoritários, eu buscar outro caminho, apoiando candidatos de outros partidos. Nos proporcionais eu sou leal ao PTB, mas no majoritário, me deixa livre para procurar”, afirmou.

Os deputados estaduais do PTB defendem a participação da legenda na chapa majoritária e queriam João Vicente nela. O deputado Nerinho e o suplente José Hamilton chegaram a afirmar que Wellington Dias teria o apoio de JVC, mas o empresário, contrariando as perspectivas do PTB, disse que não o apoiará.

“Eu não estou impondo nada, não estou querendo ser presidente, nem fazer parte da comissão estadual. Respeito qualquer decisão do partido. Agora como filiado, eu não sou obrigado a seguir [com Wellington Dias]”, afirmou. Ele voltou a reafirmar :“como senador eu cumpri minha missão, como vice eu não tenho perfil”.

MAIS LIDAS