Teresina - PI

Robert Rios revela que não será mais candidato ao Senado em 2018

“Como estão aparecendo os candidatos não precisa mais do meu nome", disse o líder da oposição.

Germana Chaves
Teresina
- atualizado

O deputado estadual Robert Rios Magalhães (PDT) voltou a dizer que não será mais candidato caso, as chapas de oposição tenham nomes suficientes para compor os espaços majoritários. A afirmação do parlamentar vem concomitante com os planos de seu partido, o PDT, que já deixou claro que ele é a primeira alternativa para disputar cargo majoritário em chapa alternativa e obedecer a ordem nacional de oferecer palanque para o presidenciável Ciro Gomes no Piauí.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Robert RiosRobert Rios

Apesar do PDT integrar a base do governador Wellington Dias (PT-PI), Robert há anos está na oposição. “Como estão aparecendo os candidatos não precisa mais do meu nome. Agora se não aparecer a gente tem que colaborar”, disse a deputado estadual que na Assembleia Legislativa é o líder da oposição.

Robert Rios ainda comemorou as últimas movimentações da oposição que pretende montar uma estrutura forte para confrontar o Palácio de Karnak. “Teremos de três a quatro candidatos na oposição, posso citar o Dr. Pessoa, o ex-senador João Vicente, entre outros nomes que estão se articulando para apresentar alternativas para os piauienses em 2018. A oposição está firmada e organizada, vai para o segundo turno unida para vencer a eleição”, ressaltou o deputado estadual.

Em recente entrevista ao GP1, o secretário do Turismo Flávio Júnior reafirmou que em uma escala de opções, Robert Rios é o que encabeça a lista para a disputa majoritária. Em seguida viria o presidente do PDT no Estado, Flávio Nogueira e por último, o secretário.

Mais conteúdo sobre: