Teresina - PI

Teresina registra índice de isolamento social de 55% no sábado

De acordo com a Prefeitura de Teresina, os dados são extraídos através de georreferenciamento e por meio de dados de operadoras de telefonia móvel.

Brunno Suênio
Teresina
- atualizado

O levantamento realizado pela startup InLoco apontou que o índice de isolamento social em Teresina ficou entre 47,2% e 55% no último sábado (23). Os dados foram divulgados pela Prefeitura de Teresina nesse domingo (24). O número ainda é inferior ao percentual de 73%, considerado ideal para evitar a disseminação do novo coronavírus.

De acordo com a Prefeitura de Teresina, os dados são extraídos através de georreferenciamento e por meio de dados de operadoras de telefonia móvel, que verificam justamente o deslocamento das pessoas na cidade.

A pesquisa mostrou que a zona leste de Teresina apresentou maior índice de isolamento, com 48,01%, seguida da região centro-norte da Capital (46,83%). As zonas sudeste e sul de Teresina surgem com 46,50% e 46,02%, respectivamente.

Outros dados do levantamento dizem respeito as regiões em que os moradores estão atendendo à determinação de permanecer o máximo em casa: o bairro Matinha lidera (52,40%), logo a frente dos bairros Jóquei (54,25%), Centro (54,90%), Ininga (54,25%) e Parque Jacinta Andrade (52,40%). Os bairros onde a população menos respeitou o isolamento social foram Angelim (45,40%), Santa Cruz (45,40%), Santa Maria (45,47%), Água Mineral (45,75%) e Alegre (45,75%).

Dados atualizados da Covi-19 no Piauí

Boletim da Secretaria Estadual de Saúde (Sesapi) divulgado na noite desse domingo (24), apontou que subiu para 110 o número de mortes em decorrência do novo coronavírus (covid-19) no Estado do Piauí. Foram 3 mortes em 24h, já que no último boletim eram 107 óbitos.

O número de casos confirmados também subiu, passando de 3.390 para 3550, ou seja, 160 novos casos em um período de 24 horas. Os municípios que registraram óbitos são Floriano, Lagoa do Piauí e Teresina. Um dos óbitos anteriores, creditado como de Picos, após investigação, é na verdade de São Julião. O paciente faleceu no Hospital Justino Luz.