GP1

Teresina - Piauí

Mesmo com derrota Fernando Tonet vê planejamento dentro do esperado

“Segue tudo dentro da normalidade, nosso objetivo é a permanência para o ano que vem", disse Tonet.

Com a derrota para o Confiança, o Altos deixou escapar as chances de brigar entre os 8 primeiros colocados para uma vaga no mata-mata da Série C. Apesar do revés, o técnico Fernando Tonet vê o planejamento do Jacaré dentro dos conformes: a permanência na Série C é o objetivo. O Alviverde está fora do Z-4, na 14° posição com 21 pontos.

“Nós sabíamos da dificuldade que seria o jogo contra o Confiança. Ainda está dentro daquilo que nós planejamos, claro que nós queríamos ter voltado de lá com um resultado positivo, mas não foi possível. E nós estamos atentos, ligados e acesos dentro de nossos objetivos que é permanecer na Série C, e para isso a gente precisa vencer o Paysandu no fim de semana”, disse o comandante.

Foto: Reprodução/TwitterEquipe do Altos em preparação para jogo contra o Paysandu
Equipe do Altos em preparação para jogo contra o Paysandu

Tonet ressaltou ainda que a derrota não impactou o ambiente do grupo, pois tudo ainda segue dentro da normalidade, afirmando que não é fácil ganhar uma partida na Série C, quanto mais duas ou três seguidas.

“Claro que a vitória contra o Campinense, em que nós abrimos 5 pontos zona de rebaixamento e encostamos nos 8 primeiros colocados, criou uma expectativa muito grande em relação ao que o Altos poderia conquistar com mais uma vitória, mas a gente sabe a real situação dessa competição e a dificuldade que é o campeonato. A gente teve a felicidade de ganhar do Ferroviário e do Remo, mas não é sempre que isso acontece”, disse o comandante”, finalizou Tonet.

O jogo contra o Paysandu será neste sábado (06), pela 18° rodada do Brasileiro Série C, no estádio Lindolfo Monteiro, às 19h.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.