GP1

Jornalista Janio de Freitas diz que morte do cinegrafista Santiago Andrade foi "incidente"


Imagem: DivulgaçãoClique para ampliarJanio de Freitas(Imagem:Divulgação)Janio de Freitas
Publico trecho de um artigo do jornalista Janio de Freitas na Folha de S. Paulo de hoje, volto em seguida:

"Até o incidente com Santiago Andrade, o PSOL e Marcelo Freixo não pouparam variadas evidências de ligação com os protestos degenerados em quebradeiras e confrontos com a PM."

Comento


Incidente uma ova Janio de Freitas. Aquilo foi ato criminoso. Intenção delibirada de matá-lo. Tanto que os dois marginais (Caio Silva de Souza e Fábio Raposo) acusados de assassinar o cinegrafista Santiago Andrade vão responder por homicídio triplamente qualificado com dolo eventual e pelo crime de explosão. Eles, inclusive, já foram denunciados à Justiça pelo Ministério Público do Rio de Janeiro. Os acusados estão presos no Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, na Zona Oeste do Rio.

A imagem abaixo diz tudo!
Imagem: ReproduçãoSantiago Andrade(Imagem:Reprodução)Santiago Andrade
É lamentável que este jornalista, de 80 anos de idade, perca a noção do bom senso e da razoabilidade para escrever asneiras e tolices. É vergonhoso e asqueroso o artigo de Janio de Freitas!

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.