GP1

Esportes

Governador da Bahia libera retorno da torcida aos estádios de futebol

Estado era o único com uma equipe na Série A que não estava liberado para receber o público.
Por Estadão Conteúdo

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), anunciou nessa sexta-feira (08) que os estádios de futebol do Estado vão voltar a receber torcedores, respeitando limite de 30% da capacidade de cada local. Ele avisou que os detalhes e as regras para a volta da torcida serão definidos no Diário Oficial a ser publicado neste sábado.

"Após reunião com a secretaria da Saúde nesta sexta, decidimos autorizar o retorno da torcida aos estádios baianos, respeitando o limite máximo de 30% da capacidade. Será obrigatório o uso de máscara pelos torcedores, que deverão comprovar a IMUNIZAÇÃO COMPLETA contra a covid-19", destacou o governador, em suas redes sociais.

"Os detalhes estarão no Diário Oficial, quando a medida começa a valer. A venda de bebidas alcoólicas será proibida nos estádios, que deverão respeitar os protocolos adotados no mundo inteiro. A flexibilização foi possível em razão dos atuais índices da pandemia na Bahia."

Os dois times da capital, Salvador, vão entrar em campo no sábado. Mas somente o Vitória vai jogar em casa, ao receber o Confiança no estádio Barradão, pela 29ª rodada da Série B. Mas ainda não será neste sábado que o time contará com seus torcedores na arquibancada. "Falta pouco, minha torcida. Logo vamos matar essa saudade!", disse o clube, pelas redes sociais.

Já o Bahia, que enfrentará o Athletico-PR em Curitiba, pelo Brasileirão, já anunciou o reencontro com a torcida para a terça da próxima semana, no confronto com o Palmeiras, na Arena Fonte Nova, pela 26ª rodada. "Saiu a liberação pra volta da torcida aos estádios na Bahia, com limite de 30% da capacidade. Sócio, é preciso fazer o login no Portal e responder até domingo a coleta de dados sobre vacinação (ou enviar seu certificado digital, se fora de Salvador)", avisou o clube, também pelas redes sociais.

A decisão do governador foi tomada em conjunto com o prefeito de Salvador, Bruno Reis, após as autoridades verificarem que os números da pandemia na capital e no Estado estão em queda nas últimas semanas. Nesta sexta, a secretaria Estadual da Saúde apontou 705 novos casos de covid-19 e oito mortes, nas últimas 24 horas.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.