GP1

Ananindeua - Pará

Veja quem são as vítimas do massacre na escola Raul Brasil em Suzano

Os atiradores chegaram em um carro por volta das 9h30 desta quarta-feira (13) na escola. Uma das vítimas era tio de um dos atiradores.

Dois jovens identificados como Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, de 25 anos, invadiram e mataram alunos e funcionários da Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano, na Grande São Paulo, na manhã desta quarta-feira (13). Antes do massacre, Guilherme matou o tio, em uma loja de veículos.

Veja abaixo quem são as vítimas:

Claiton Antônio Ribeiro, 17 anos

Jorge Antônio Moraes, 51 anos: comerciante, morto antes da entrada dos assassinos na escola; ele era tio de Guilherme, um dos assassinos.

Caio Oliveira, 15 anos

  • Foto: Arquivo PessoalCaio OliveiraCaio Oliveira

Douglas Murilo Celestino, 16 anos: Ele foi socorrido para o Hospital de Clínicas Luzia Pinho de Melo, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu.

  • Foto: Arquivo PessoalDouglas MuriloDouglas Murilo

Kaio Lucas da Costa Limeira, 15 anos

  • Foto: Arquivo PessoalKaio Lucas da Costa LimeiraKaio Lucas da Costa Limeira

Samuel Melquíades Silva de Oliveira, 16 anos: frequentava a igreja Adventista do Sétimo dia com o pai e segundo o tio, José Silva, ajudava o pai nas pregações.

  • Foto: Arquivo PessoalSamuel MelquíadesSamuel Melquíades

Marilena Ferreira Vieira Umezo, 59 anos: coordenadora pedagógica da escola. Era casada e deixa filhos e netos. Ela dava aulas de filosofia para o Ensino Médio e foi promovida a coordenadora pedagógica recentemente.

  • Foto: Arquivo PessoalMarilena Ferreira Vieira UmezoMarilena Ferreira Vieira Umezo

Eliana Regina de Oliveira Xavier, 38 anos

  • Foto: Arquivo PessoalEliana Regina de Oliveira Xavier Eliana Regina de Oliveira Xavier

Entenda o caso

Os atiradores chegaram em um carro por volta das 9h30 desta quarta-feira (13) na escola. Eles invadiram a escola e um deles fez disparos contra alunos que estavam logo na entrada. Antes de chegarem à escola, Guilherme Taucci atirou no tio Jorge Antônio de Moraes, dono de uma loja de automóveis, e levou um carro. Ele chegou a ser levado a um hospital, mas não resistiu e morreu.

Armas

A polícia encontrou, após o ataque, um arsenal de armas na escola. Foram encontrados um revólver 38, quatro jet luders, que são plástico para recarregamento de arma, uma besta (um tipo de arco e flecha que dispara na horizontal), um arco e flecha tradicional e garrafas que aparentam ser coquetéis molotov e um machado que foi usado por Guilherme.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Secretário de Segurança divulga nomes de vítimas do massacre em Suzano

Assassino fez selfie com arma antes do massacre em escola de Suzano

Câmera de segurança flagra assassinos chegando em escola de Suzano

Atiradores invadem escola, matam oito e se suicidam em Suzano

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.