Política

"Só o tempo dirá", diz Ciro sobre manutenção de aliança com Wellington

Wellington Dias teve um encontro com Ciro Nogueira, na residência do senador na segunda-feira (3) em Brasília. O encontro contou com a presença do senador Marcelo Castro (MDB).

Bárbara Rodrigues
Teresina
Germana Chaves
Teresina
- atualizado

O senador Ciro Nogueira (presidente nacional do Progressistas) comentou, durante entrevista ao GP1 nesta quarta-feira (5), as declarações do governador Wellington Dias (PT-PI) sobre a necessidade de diálogo acerca de um possível rompimento político entre eles.

Nessa quarta-feira, após ser questionado sobre o clima de tensão entre PT e o Progressistas em alguns municípios, além da possibilidade de rompimento, o governador explicou que é necessário chegar a uma decisão sobre a manutenção ou não do alinhamento entre as duas legendas.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Ciro Nogueira Ciro Nogueira

“Acho que ficou bem claro que, independente de cada situação, não vamos deixar isso atrapalhar o governo dele [Wellington Dias], principalmente a população do Estado, que não pode ser prejudicada”, falou Ciro afirmando em seguida que, "o futuro a Deus pertence”, ao comentar a permanência do PP na base de Wellington.

Encontro em Brasília

Wellington Dias teve um encontro com Ciro Nogueira, na residência do senador em Brasília na última segunda-feira (3). O encontro contou com a presença do senador Marcelo Castro (MDB).

Ciro Nogueira explicou que na oportunidade não trataram sobre um possível racha. "Foi uma conversa muito boa, de dois amigos, que estão enfrentando problemas político, tendo que saber superar isso, mas só o tempo dirá”, repetiu o senador.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Fábio Abreu contra-ataca e diz que Ciro não decide destino do Republicanos

Ciro contraria Fábio Abreu e diz que Republicanos segue na base de Firmino

Ciro Nogueira afirma que relação com Bolsonaro incomoda adversários

Mais conteúdo sobre: