GP1

Piauí

Wellington Dias recebe ministra Cármen Lúcia no Palácio de Karnak

A magistrada está em Teresina para participar de dois eventos, em um deles ela será homenageada pela Ordem dos Advogados do Brasil do Piauí (OAB-PI).

Jorge Bastos Carmen Lúcia com Wellington Dias Carmen Lúcia com Wellington Dias
Jorge Bastos Audiência no Palácio de Karnak Audiência no Palácio de Karnak
Jorge Bastos Wellington, Cármen e Daniel Oliveira Wellington, Cármen e Daniel Oliveira
Jorge Bastos Assinatura do termo Assinatura do termo
Jorge Bastos Wellington e Cármen Lúcia Wellington e Cármen Lúcia
Jorge Bastos Ministra Carmen Lúcia Ministra Carmen Lúcia
Carmen Lúcia com Wellington Dias
Audiência no Palácio de Karnak
Wellington, Cármen e Daniel Oliveira
Assinatura do termo
Wellington e Cármen Lúcia
Ministra Carmen Lúcia

O governador Wellington Dias recebeu, na tarde desta sexta-feira (26), no Palácio de Karnak, a ministra Cármen Lúcia, do Supremo Tribunal Federal (STF). A magistrada está em Teresina para participar de dois eventos, em um deles ela será homenageada pela Ordem dos Advogados do Brasil do Piauí (OAB-PI).

No Palácio, a ministra assinou o termo de autorização para funcionamento da primeira Casa da Gestante, Bebê e Puérpera do Sistema Prisional do Brasil, que será voltada para gestantes privadas de liberdade por conflitos com a lei.

O Governo do Piauí explicou que o local será um dispositivo de assistência à saúde de mulheres egressas do sistema carcerário do estado e seus filhos e será mantido exclusivamente com recursos do Tesouro Estadual.

A Secretaria de Estado da Justiça será a responsável pela segurança do local e das gestantes e a Secretaria de Estado da Saúde vai fornecer equipe multiprofissional de saúde que estará disponível 24h para receber e cuidar da gestante com risco habitual.

O Piauí possui três penitenciárias femininas: Teresina, Picos e Parnaíba.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.