GP1

Política

Roberto Jefferson convida Daniel Silveira para se filiar ao PTB

O convite foi feito pelo petebista em sua página no Twitter, na manhã desta quarta-feira (17).

O presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, convidou o deputado federal Daniel Silveira para se filiar ao partido depois que o presidente do PSL, Luciano Bivar, anunciou que vai expulsá-lo. Silveira foi preso, na noite desta terça-feira (16), pela Polícia Federal por determinação do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

O convite foi feito pelo petebista em sua página no Twitter, na manhã desta quarta-feira (17). “O deputado Bivar expulsou, agora, o heroico deputado Daniel Silveira. Homúnculo, retirou o apoio ao soldado ferido. O PTB estende o tapete verde e amarelo para o guerreiro Daniel. Aqui, amigo, você é bem-vindo. Força e honra! Somos os alferes de Deus. Juntos derrotaremos satanistas”, escreveu.

Jefferson afirmou ainda que a prisão de Daniel Silveira é inconstitucional e criticou o ministro Alexandre de Moraes a quem se referiu como “maridão de dona Vivi”.

“A prisão de Daniel Silveira é inconstitucional. Foi decretada pelo maridão de dona Vivi após um libelo de 4 minutos feito pela TV Globo. Jogo combinado. O PTB, Presidência, Liderança e Bancada, se manifesta contra o exibicionismo ilegal de Xandão. Votaremos contra a prisão”, garantiu.

Prisão

O deputado Daniel Silveira foi preso, na noite desta terça-feira (16), pela Polícia Federal após ter a prisão decretada pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

A ordem de prisão em flagrante foi dada pela prática de crime inafiançável para ser cumprida “imediatamente e independentemente de horário”, o que não é um procedimento comum, depois que o parlamentar divulgou um vídeo sobre o Ato Institucional 5 (AI-5) e com declarações contra ministros da Corte.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.