GP1

Belém - Pará

De virada, 4 de Julho é derrotado para a Tuna Luso na Série D

O Colorado perdeu por 2 a 1, e o resultado tirou todas as chances da equipe avançar para a segunda fase.

No jogo do tudo ou nada, o 4 de Julho foi derrotado para a Tuna Luso por 2 a 1 nesse sábado (02), pela décima segunda rodada do Brasileiro Série D, no estádio Souza.

O Gavião saiu na frente, porém acabou cedendo o empate. O resultado tirou todas as chances do Colorado de avançar para a segunda fase. A equipe também enfrentou problemas no elenco, já que Emanoel Sacramento, técnico do time, só contava com quatro jogadores no banco.

E para conseguir dá um gás no clube, o treinador colocou o goleiro Jailson na linha e usou seu goleiro reserva. Para piorar a situação, Rico não aguentou a partida a inteira e deixou o Colorado com um jogador a menos

Nos 10 minutos inicias só deu 4 de Julho, a equipe precisava da vitória para se manter viva na competição, então partiu para cima. Aos 9, Rico aproveitou vacilo da zaga e finalizou rente a trave.

Foto: Reprodução/Instagram Tuna Luso4 de Julho e Tuna Luso pela Série D
4 de Julho e Tuna Luso pela Série DCampeonato Brasileiro Série D

O primeiro ataque da Águia Guerreira só aconteceu aos 14 minutos em cabeceio de Michel, porém a bola parou nas mãos de Jailson. O lance animou a Tuna Luso, que passou a equilibrar mais a partida.

De tanto insistir o resultado veio, e o Gavião conseguiu abrir o placar. Alex Mineiro deu bom passe para Caio Cezar, que finalizou para o fundo do gol. Após o tento, o 4 de Julho continuou tentando ampliar o placar, a Águia Guerreira também seguia o mesmo o ritmo, mas as equipes não tinham eficiência.

A Tuna Luso chegou ao empate aos 45 minutos. Anderson Tanque cruzou e Jayme empurrou a bola para o fundo da rede.

No segundo tempo quem começou pressionando foi a Águia Guerreira, mas sem poder de fogo. Restando para o 4 de Julho o tudo ou nada, a equipe se obrigou a ficar mais ofensiva, e a Tuna Luso aproveitou da situação para explorar jogadas de contra-ataque.

E a blitz do Colorado continuava, principalmente do lado direto com Cezinha, mas sem muito perigo. E foi nesse cenário que a Tuna Luso teve suas melhores oportunidades. Aos 35 minutos, Tanque chutou passando tinta da trava. Jayme também tentou em lance cara a cara com o goleiro, mas foi antecipado pela zaga.

Os minutos a partida seguiu nesse ritmo, com o Gavião pressionando sem eficiência, e a Águia Guerreira contra atacava. E isso resultou no gol da Águia Guerreira aos 42 minutos, após cabeceio de Balotelli.

Retrospecto

O resultado sacramentou as chances do 4 de Julho de conseguir uma vaga na próxima fase, a equipe se encontra na 7ª colocação do Grupo 2 com 10 pontos. A Tuna Luso já não tinha mais chances de avançar e segue na lanterna com 9.

Próximos compromissos

O Gavião agora enfrenta o Moto Club no sábado (09), pela décima terceira rodada da Série D, na Arena Ytacoatiara, às 16h. No mesmo dia, a Águia Guerreira encara o Juventude Samas, no estádio Pinheirão, às 15h30.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.