GP1

Rio de Janeiro - Rio de Janeiro

Torcida dá demonstração de carinho em retorno do Flamengo aos gramados

A partida entre Flamengo e Ceará, válida pelo Brasileirão terminou com a vitória rubro-negra por 2 a 1.

O Flamengo voltou a campo na noite de terça-feira (30) em partida válida pela 36ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. Sem técnico, já que Renato Gaúcho foi demitido após o insucesso na Libertadores, a equipe recebeu o carinho do torcedor ao voltar aos gramados do Maracanã.

A recepção calorosa da torcida pode ter acendido um sentimento de retomada para os atletas do clube da Gávea. Enlouquecidos, a nação rubro-negra incentivou a equipe durante os 90 minutos, na vitória de 2 a 1 sobre o Ceará (gols de Gabriel e Matheuzinho). Com os três pontos somados, a equipe carioca adiou por mais um dia o grito de campeão do Atlético Mineiro.

O amor demonstrado pelos mais de 48 mil torcedores que compareceram ao Maracanã foi destacado pelo técnico Maurício Souza, que está no comando interino da equipe. Em entrevista coletiva, o treinador comentou o papel fundamental da torcida. Confira a entrevista completa aqui.

“A gente percebeu que a torcida percebeu também que todos nós estávamos muito machucados com a derrota. A gente sabia que tinha que fazer um bom jogo para que tivéssemos uma resposta positiva por parte dela. Eu acho que a Nação mais uma vez deu uma prova de amor ao clube, amor ao time. Eu sinceramente fico extremamente feliz com o que nós vimos aqui, hoje, no Maracanã”, ressaltou Maurício Souza.

“Tu és, time de tradição, raça, amor e paixão”

A partida vitoriosa teve várias cenas importantes para o torcedor flamenguista. Canto, apoio, incentivo, é o papel dos torcedores, patrimônio intransferível de equipes desportivas, e isso, a torcida do Flamengo demonstrou. Matheuzinho e Gabrieal, após marcarem, comemoraram intensamente com a Nação, com direito a selfie com a torcida.

A força da demonstração foi tanta que um torcedor invadiu o campo do Maracanã com um objetivo: abraçar Giorgian de Arrascaeta, considerado um dos maestros da Gávea. A corrida rendeu dribles nos seguranças, como um Wide Receiver prestes a conseguir o touchdown decisivo no Super Bolw. Ao alcançar o número 14 rubro-negro, o aficionado se ajoelhou em admiração ao ídolo. Paixões que somente o futebol pode movimentar.

O aficionado foi retirado de campo, depois de trocar palavras com seu ídolo. Gabriel e Matheuzinho, autores dos gols, conversaram com a segurança do estádio para que o rapaz fosse retirado de forma tranquila. Horas após o fato, Arrascaeta foi às redes sociais na tentativa de encontrar o torcedor flamenguista e dar a ele o manto, tão almejado.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.